Informe Seac-RJ: Ed.02 – 09/03/2021

69

Recuperação econômica depende da vacinação contra a Covid-19

A recuperação da economia no Brasil e no Estado do Rio de Janeiro está ligada diretamente com a aceleração da vacinação contra a Covid-19. A conclusão é do economista João Gomes, diretor executivo do Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec-RJ), em palestra durante a Reunião de Diretoria do Seac-RJ nesta segunda-feira, 08 de março. Em sua apresentação, ele traçou o cenário econômico desde o período pré-pandemia no país e no estado, que culminou em 2020 com a suspensão ou redução de jornada de mais de 10 milhões de contratos de trabalho no Brasil, sendo um milhão só no Estado do Rio.
Para o economista, para sair da crise, além da vacinação em massa para conter o vírus da Covid-19, o país precisa de uma reestruturação fiscal para se tornar mais confiável e voltar a atrair investimentos, além de cortar gastos. “Tem que seguir o exemplo da economia mais simples que existe, que é a nossa própria casa. Não há condições nenhuma de viver gastando mais do que se recebe. O Brasil hoje já entrou no cheque especial, tá com o cartão de crédito estourado e usa o limite do cheque especial para pagar o mínimo do cartão de crédito. A conta não fecha”, comparou o economista.
João Gomes enfatizou que o setor de serviços foi o mais impactado em 2020 com a pandemia, mas tem todas as condições de ser o protagonista da recuperação econômica em 2021, principalmente no Rio de Janeiro. Ele afirmou ainda que o setor formal foi o que mais sofreu com o isolamento social, que não atingiu com tanta força o setor informal da economia.
A Reunião de Diretoria do Seac-RJ tratou também da Convenção Coletiva de Trabalho 2021. O presidente do Seac-RJ, Ricardo Garcia, disse aos associados e filiados que os entendimentos com o Sindicato Laboral estão caminhando bem e que em breve se chegará a um denominador comum.
O diretor-superintendente do Seac-RJ, José de Alencar, relatou aos participantes o estágio atual dos entendimentos com o Ministério Público do Trabalho do Estado do Rio de Janeiro em relação à contratação do Jovem Aprendiz.

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Febrac: 38 anos em defesa dos serviços especializados no Brasil

Câmara dos Deputados vota esta semana a PEC Emergencial

Combate ao desemprego deve ser prioridade para 41% da população

Supremo confirma vigência de medidas sanitárias contra a covid-19

Senado vai ouvir governadores e ministros sobre combate à pandemia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui