Medida emergencial: BNDES lança Crédito Pequenas Empresas para para reduzir impactos do coronavírus

27

Como iniciativa de apoio ao enfrentamento dos efeitos econômicos da pandemia do coronavírus, o BNDES expandiu a oferta de capital de giro desta linha de crédito para negócios com faturamento anual de até R$ 300 milhões até 30.09.2020, com limite de financiamento de até R$ 70 milhões por ano. 

O objetivo é oferecer crédito rápido e flexível para empresas de todos os portes, amortecendo os impactos financeiros da pandemia sobre os empreendedores e contribuindo para a manutenção de empregos no Brasil. Pelo menos R$ 5 bilhões estarão disponíveis para apoio às MPMEs.

Saiba mais

Veja o vídeo explicativo

1 COMENTÁRIO

  1. É muito fácil o Governo editar normas de financiamento para microempresários e informar que devem procurar um banco privado para negociar taxas, prazo e garantias. Nenhum microempresário tem condições de discutir com um banco privado estas taxas, prazos e garantias.
    Então a taxa de 3,75% a.a, carência de 6 meses e amortização em 36 meses é só demagogia?
    Essa MP não fala em garantias reais, as quais a maioria, para não dizer a totalidade dos microempresários têm condições de oferecer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui